jan 29, 2016 / por Ricardo Ventura / 1 Comentário

Poucos medos são tão comuns e populares quanto o de falar em público. Seja na universidade, na escola, apresentando projetos em sua empresa, workshops e qualquer outra apresentação em geral, o medo de ter que encarar o público é sempre um dos fatores que mais atrapalham. Não é à toa que existem tantas dicas que ajudam nesses momentos. Portanto, eu vou ensinara algumas técnicas de apresentação em público bem simples que transformarão sua carreira.

Sim! Essas serão dicas que transformarão sua carreira. Isso porque os profissionais mais reconhecidos do mercado costumam ser os melhores comunicadores. Eles não são apenas os que conseguem muito mais resultados, mas são, também, aqueles que melhor conseguem transmitir esse saldo positivo. Por isso, quanto melhor você conseguir se comunicar, melhor será a sua carreira.

Como a ideia é ser o mais sucinto possível, chega de chorumelas e vamos direto ao assunto!

Existe a melhor técnica de apresentação?

Não tenha dúvida, não existe técnica de apresentação melhor do que estudar muito o tema do qual falará. O segredo é a confiança: quanto mais você está confortável com o assunto, mais confiança você passa para sua plateia. Mas, para conquistar isso, talvez, a resposta não seja apenas meter a cara nos livros, mas sim saber o que fazer com esse conhecimento.

Uma das dicas principais é sempre se preocupar com que sua plateia saia da apresentação sabendo de algo que ela não sabia. Não adianta falar aquilo que todo mundo sabe com um toque diferenciado. Não adianta não desafiar seus espectadores. Não deixe que tudo se torne um sonífero. Questione, faça perguntas, observe as respostas e use-as para acrescentar novos rumos e exemplos em sua palestra.

E isso só é possível quando você tem o domínio do assunto. E organizar esses pensamentos é o caminho mais curto até o sucesso. Você pode, por exemplo, criar um “mapa mental” para isso. Seja digital, em papel ou só dentro de sua cabeça, o importante é saber as opções de caminhos a cada curva.

Para dar ainda mais naturalidade para demonstrar este conhecimento, não decore ordens e esquemas mecânicos. Siga seu  caminho com segurança. Mas nem por isso deixe de lado as ferramentas que te ajudam nesse caminho. Lembre-se sempre que você é um especialista na sua área. Você tem conhecimento para falar sobre isso. Com um pouco de preparo, essa, que é uma das principais técnicas de apresentação, será facilmente realizada!

Criando a apresentação

A sua principal ferramenta, ainda que pareça repetitivo e óbvio, precisa mesmo ser uma boa apresentação. E para deixá-la mais impactante, você você usar recursos multimídias com o Power Point, e até recursos visuais mais simples, com foan bords, cartolinas, flip charts etc. Como eu expliquei no artigo Como fazer uma boa apresentação em público, o ouvinte ainda guarda cerca de 10% do que foi falado na palestra três dias depois. Porém, quando utilizado conteúdo multimídia, esse número salta para 65%. 

O segredo para aumentar o impacto deste conteúdo é pensar que o quê está ali é apenas um guia, e não um texto ou um livro. Isso tudo te ajuda a impactar mais seu público.  Não adianta escrever tudo em slides e passar uma hora de costas para a plateia lendo uma projeção na parede. É preciso ter em mente que a atração principal, as maiores informações e todas descobertas precisa vir de você, e não de um computador.

Organize seus slides, ou qualquer outro recurso, de modo limpo e claro. Nada de textos enormes, foque tudo em tópicos de fácil entendimento e que ajudem sua plateia a percorrer o conteúdo com você. Por outro lado, use esses tópicos para seguir sua linha de pensamento, mas nunca esqueça de incrementar essas informações.

E para não deixar que esse ensinamento seja chato, não exagere no número de slides e muito menos na quantidade de informações em cada um deles. Procure um balanço entre esses dois fatores, mas uma dica é o uso de imagens. Prefira boas imagens do que qualquer texto. Uma imagem prende muito mais a atenção do que meia dúzia de tópicos, o que torna toda a apresentação muito mais ágil e marcante.

Uma outra dica é procurar algumas boas opções nos sites de bancos de imagens, quase sempre soluções econômicas e que se encaixam perfeitamente bem nas mais diferentes ideias. Por isso não tenha dúvida, quanto mais marcante a imagem, mais marcante se torna sua apresentação.

Mas, mesmo com tudo isso, é importante saber como se comportar diante de sua plateia, e talvez ai esteja o maior segredo de todos.

Como falar em público e outras técnicas de apresentação

Pronto, agora você já tem todo conteúdo na cabeça e uma baita apresentação para projetar para seus espectadores, mas ainda falta um um último detalhe: você. Lembre-se que as técnicas de apresentação para impulsionar sua carreira devem trabalhar a sua image. Então, é bom que apresente sempre o melhor de você e  saiba se comportar na frente de toda aquela gente.

Obviamente que isso começa pelo palavreado. É preciso entender a singularidade de cada público e aplicar dialetos, jargões e termos técnicos que aquele público entenderá. Assim como é preciso conhecer o que não pode falar de jeito nenhum para aquele público. Quando você está falando em seu ambiente de trabalho, aplicar essa técnica é muito mais simples, já que você faz parte daquele mesmo público.

Aos poucos você vai encontrando o próprio estilo e descobrindo o seu “eu” palestrante. E tudo isso é fruto de muito treino. Você pode passar horas no banheiro diante do espelho e conquistar bastante resultados, mas é importante colocar em prática, sair da segurança de sua casa e dar as caras.

Além disso, saiba como gerar uma conexão com a sua plateia. Passeie pelos seus espectadores e lhes dê essa confiança. Olhe nos olhos de cada pessoa que está olhando pra você para criar uma conexão e essa relação de confiança. E falando em “confiança”, nunca permaneça muito tempo com as mãos no bolso ou atrás das costas, mas também não exagere nos gestos. Saiba apontar e ocupar seu espaço, mas não se deixe diminuir diante de você mesmo.

Por falar em expressão corporal, nunca se debruce ou apoie nos lugares, tente sempre manter os ombros altos e eretos, e nem fique andando de um lado para o outro. Por mais que você esteja nervoso, não deixe que ninguém perceba isso. Se você falar abertamente e com confiança, ninguém perceberá seu nervosismo.

Está pronto pra impulsionar sua carreira sendo um bom comunicador

Como pôde ver,  neste artigo, eu fiz um compilado com algumas técnicas de apresentação simples que podem acabar com as maiores dores de quem precisa falar em público. E essas dicas também vão impulsionar a carreira por melhorar sua comunicação. Neste treinamento, eu ensino muitas outras dicas para realizar palestras e apresentações para conquistar muito mais impacto em diferentes esferas da sua vida.

Na sua carreira, você sofre com alguma dessas dores que comentei durante o texto?

Qual dessas simples técnicas de apresentação ajudarão a acabar com suas dores?

Comente aqui embaixos:

Mentoria para Treinadores e Palestrantes

Apenas 10 alunos por sala clique aqui

Comentar via Facebook