É comum escutar a pergunta “Como ser palestrante?”, mas será que essa vontade de se profissionalizar nesse mercado é algo que pode ser conquistado por qualquer um? A resposta é “sim”, mas é muito mais importante saber se você quer mesmo ser um palestrante.

Não é só ter um conteúdo para passar seus ouvintes, é preciso ter certeza de que partirá para esse caminho. Ter convicção dessas opções e partir para o planejamento dessa nova carreira.

Um mercado em ascensão e que deve mesmo ser uma tentação para muita gente, mas não sem ter certeza de que é preciso muito trabalho e vontade de mudar sua vida profissional. Talvez você sinta esse chamado de transmitir esse conteúdo, talvez queira mudar os rumos de sua vida, tentar algo novo ou fazer disso uma nova possibilidade. O que Importa é saber que existe espaço, basta você querer.

Se profissionalizar é um passo importante e tem todas chances de se tornar sua grande fonte de renda, mas é importante entender quais suas intenções e saber que vai precisar suar a camisa, estudar e se especializar ainda mais.

Portanto, entenda o que significa realmente se tornar um palestrante profissional, entenda as dificuldades e possibilidades, não tenha medo de mudar e ainda confira algumas dicas que irão te ajudar nessa transição.

Aprendendo como ser palestrante na prática

A primeira coisa que você deve saber na hora de se tornar um palestrante profissional é entender a verdadeira função desse profissional está em crescimento. Assim como saber o quanto ela é importante para as pessoas que você passará a influenciar.

Ser um palestrante profissional não é subir em um palco na frente de uma plateia e começar a falar um monte de informações, o objetivo deve ser carregar seus espectadores de um ponto até um outro que você acha ser o melhor para ele.

Um palestrante ligado a vendas, por exemplo, como eu comecei minha carreira, é alguém que ajudará a treinar e conscientizar uma equipe de que é preciso sair do lugar onde elas estão e focar em um outro onde melhorará suas vendas e ser tornar mais eficiente.

E isso envolve desde técnicas de persuasão até motivações para ser usada na hora de encontrar o objetivo em questão.

O mais importante de tudo é então saber que a ferramenta que você tem em mãos é mais fácil de você usar para se tornar uma palestra profissional: você mesmo.

Você é seu mais valioso recurso, é que tem a informação e a vontade de mudar as vidas das pessoas através dessas técnicas que a ajudarão a se transformar. E não esqueça nunca: se você tem conteúdo, consegue se comunicar, se consegue isso, então todas possibilidades de tornar-se um palestrante profissional.

Saber que é possível ser um palestrante profissional deve ser uma obrigação, entender que você consegue aprender as ferramentas e opções para segui esse caminho é uma certeza.

Dicas para se tornar um palestrante profissional

  1. Encontre um tema que você domina e que se sente confortável em falar sobre ele. Se decidir seguir nessa área de atuação, entenda que tudo fica muito mais fácil se você descobrir um ramo onde você já está à vontade.
  2. Não perca nunca o frio na barriga. Faça sempre com que sua palestra tenha sabor de primeira. Emocione-se com cada experiência. Conviva bem com essa responsabilidade e saiba que deverá estar preparado sempre para comover e promover conhecimento par seus espectadores.
  3. Seja profissional em tudo. Seu público espera isso de você. Desde o conteúdo até a apresentação, seja um slide bem feito ou a rouba que você está vestindo. Invista nessa profissionalização, estude, estruture e pesquise, tome como exemplo o que já faz bem. Seja desde sempre o palestrante profissional que você gostaria de ser. Se você acredita em você, todos acreditarão.
  4. Sua melhor apresentação deve sempre ser sua próxima. Supere-se, foque em suas apresentações e melhore. Superar um outro palestrante é importante, mas fazer disso seu único objetivo atrapalhará seu planejamento. Seja mais você do que qualquer um e se supere sempre.
  5. Invista nas redes sociais. Com todas ferramentas que a internet lhe dá hoje, não perca nunca a oportunidade de usar elas a seu favor. Se torne alguém conhecido através dessas redes sociais e da internet. Mostre seu trabalho, posicione seu conteúdo, pesquise por clientes e suas demandas. Aproveita a oportunidade que você tem com essas redes sociais e possibilidades de sua fama chegar aos quatro cantos do mundo, virtual ou não.
  6. Invista em você como se estivesse investindo em um negócio. Se você quer projeção e profissionalismo, busque parcerias para cuidar da burocracia envolvendo vendas e negociações. Não perca tempo com tratativas que te impeçam de aprimorar seus conhecimentos, pesquisas e criação de conteúdo. Crie uma equipe que te ajude a gastar mais tempo com o que tem de mais importante: você.
  7. Não tenha medo de dar palestras gratuitas. O início de sua carreira pode ser complicado, portanto não tenha receio de criar um público que fique grato com seu conteúdo. Desenvolva confiança e humildade, se acostume com o público. Pense no futuro, encontre mais trabalho demonstrando o quanto você pode ser profissional. Satisfaça seu público mesmo que ele ainda não seja pagante.

As últimas dicas para ser palestrante

Mas sobre tudo isso é importante saber que não é preciso uma estrutura complexa para conseguir entrar no ramo de palestrantes profissional. É preciso ter o conteúdo e não perder o objetivo no horizonte.

De um lado, essa ideia de que os recursos são importantes, mas, na verdade, são a perfumaria da palestra. Com o conteúdo em dia e a demanda de seu público, equipar a experiência pode até ser uma ótima opção, mas você nunca deve ser refém dela.

Se você tem um conteúdo ruim, não adianta o melhor dos slides, luzes e fogos de artifício, um conteúdo ruim vai ser sempre ruim, portanto, foque seus esforços naquilo que você tem a contar. Para os outros.

Eu, por exemplo, comecei minha carreira dando palestras para equipe de vendas da minha loja de calçados, mas, em pouco tempo, outras lojas e empresas começaram a me contratar e eu pude criar um circuito de apresentações focadas em um público interno.

Imagine o quanto de empresas, equipes, gerentes, empreendedores e um monte de outros profissionais ficariam interessados com suas experiências ajudando-os a passar por obstáculos e abrir novos caminhos.

Seu público nem sempre está em um público mais amplo interessado em um assunto aberto, talvez ele esteja fechado e muito mais intimista. Encontrar essa demanda humana é o que fará a diferença em sua nova carreira.

Responder a pergunta “Como ser palestrante? ” pode parecer algo complicado, mas é uma opção que você não deve deixar de lado se tem vontade de trabalhar com esse tipo de comunicação. Portanto, se ver a oportunidade passando por suas mãos, agarre-a e siga em frente nessa nova carreira.